16 maio 2016

A dor da perda


Achei que seria super difícil escrever esse texto aqui, mas até que não está sendo. Isso nunca tinha acontecido comigo, essa coisa de morte ainda era um pouco distante pra mim. Claro que algumas pessoas que eu conheço já partiram, mas não eram pessoas tão próximas, então não me afetou tanto. 
Meu padrinho descobriu que estava com leucemia pouco mais de um mês atrás, uma reação alérgica a um remédio fez com que aparecesse outra doença (que eu não sei o nome). O fato é que ele ficou internado, e estava piorando cada vez mais, estava sofrendo. Creio que todos a sua volta, no fundo não queriam que ele fosse embora, mas sempre pediam para Deus fazer o melhor para ele. E todos sabiam o que era melhor.
O "melhor" aconteceu na madrugada, de sábado para domingo. Foi difícil, mas foi o melhor, como nós pedimos.
Ele era uma pessoa feliz e aproveitou cada segundo de sua vida. 
A despedida foi cruel. Ver tantas pessoas que amamos chorando. Chorar. Vê-lo de olhos fechados, sabendo que aqueles olhos não irão mais se abrir. Vê-lo sorrindo. A caminhada até o local onde iria ser enterrado, todos cantando o hino do Palmeiras (porque era o que ele queria). E fim. Acabou.
Essa sensação é tão estranha, ver as fotos e pensar que não vou mais poder vê-lo. Às vezes algumas lembranças me fazem chorar, mas logo passa. Temos que seguir em frente. Um vazio no peito, que aos poucos aprendemos a nos acostumar.
E eu digo a vocês, aquilo que é tão clichê, mas a cada dia posso perceber o quanto é verdade: viva cada segundo como se fosse o último, não deixe para fazer amanhã o que você pode fazer hoje.

13 comentários:

  1. A frase final é impactante, belo texto! amei.

    http://www.antesdaprimavera.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Rosana Melo16/5/16

    Inicialmente é uma dor que logo dará espaço para a saudade. A morte nos ensina a refletir o que realmente vale a pena. E o que vale a pena é amar a vida, as pessoas, o que fazemos, dizer eu te amo mais vezes e procurar ser feliz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Belas palavras, já pode virar colaboradora do blog! Hahaha!

      Excluir
  3. A morte é a coisa mais louca e sem sentido da vida, Vitória. Cheguei a essa conclusão após perder alguns amigos próximos muito queridos. É bizarro você saber que a pessoa simplesmente deixou de existir, que não está mais ali. Você vê a foto, mas ela não vai te responder quando você mandar mensagem.
    E percebemos, também, como a vida é tão frágil. É isso o que você disse sobre não deixar pra fazer depois algo que se queira fazer, dizer. Perdemos tempo demais com certas coisas que não nos acrescentarão e deixamos de fazer tantas outras que irão.
    Meus sentimentos.

    Baú de Canto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É realmente estranho ver a foto de uma pessoa mas saber que ela não está ali

      Excluir
  4. Antes de mais nada, minhas condolências.Eu até hoje não perdi ninguém próximo a mim, mas eu sei que fatalmente, uma hora ou outra acontece.

    Espero que você possa ficar bem logo.Viver é algo estranho, a morte é algo que eu nunca irei compreender, mas faz parte.

    Um grande beijo.

    Poesia em Transe

    ResponderExcluir
  5. Oh menina, espero que esteja melhor. Infelizmente a morte faz parte da vida.
    E eu passei por isso mais ou menos na mesma idade que você, quando perdi meu pai.
    Desejo conforto pro teu coração e pra tua família!
    4sphyxi4.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Saber lidar com a morte é o que nos torna melhor como pessoa linda.
    Infelizmente a morte é a única coisa que sabemos da nossa vida, e por isso a frase que você colocou faz tanto sentido.

    Meus sentimentos. E que você continua vivendo, e lembrando dele sempre com coisas boas :) E sempre procurando crescer, amadurecer e viver a vida né?!
    você escreve muito bem!

    Beijos :*
    japona.mairanamba.com

    ResponderExcluir

Se você não tem conta no google, clique na caixinha que fica em frente "comentar como" e selecione "Nome/URL" ou comente com sua conta do Wordpress :)

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo